Ricardo discute ações na área de segurança e anuncia investimentos para Campina Grande

0
103

O governador Ricardo Coutinho se reuniu, na terça-feira (3), na Granja Santana, em João Pessoa, com representantes de entidades ligadas ao comércio e indústria de Campina Grande. O encontro teve o objetivo de discutir ações para a área de segurança no município. Na audiência, o governador garantiu que vai encaminhar 360 policiais para Campina Grande, entre os mil que forem aprovados no concurso público que está em andamento, aumentando, desta forma, o efetivo local.

Além disso, o chefe do Executivo Estadual afirmou que vai acelerar a implantação do sistema de monitoramento eletrônico piloto na cidade, com investimento na ordem de R$ 2,5 milhões. Também foi discutida a instalação de um novo Centro Integrado de Operações (Ciop) em Campina Grande e debatida a necessidade de uma maior fiscalização da lei que obriga os bancos a colocarem dispositivos que inutilizem as cédulas nos caixas eletrônicos, em casos de explosões bancárias.

Para Ricardo, a reunião serviu para que o Governo demonstrasse que, mesmo diante de um país conturbado, “a Paraíba é hoje o estado que possui a melhor política pública de segurança. Isso não quer dizer que aqui seja um paraíso, mas significa que estamos progressivamente reduzindo os indicadores, o que é um sinal da boa política pública que implantamos”.

Ele ainda ressaltou que os dados mostram que a Paraíba está no caminho certo, executando uma política pública de segurança que é a única no país a conseguir redução, por seis anos consecutivos, do número de homicídios. “O relatório da segurança mostra também que o número de roubos a estabelecimentos em Campina Grande caiu 28% em 2017 e, de janeiro a maio de 2018, o número de crimes violentos contra o patrimônio, caiu 23% na cidade. As forças de segurança estão fazendo seu trabalho e vão se empenhar, cada vez mais, no combate à violência”, disse Ricardo Coutinho.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Campina Grande, Carlos Botelho, avaliou que a reunião foi positiva e destacou que as alternativas apontadas pelo Governo do Estado serão importantes para aumentar a segurança em Campina Grande. “As medidas vão criar um senso de segurança e aumentar o efetivo o que contribui para coibir a violência na cidade. Isso para nós é importantíssimo”, ressaltou.

Para a deputada estadual Daniela Ribeiro, que também participou da audiência, o encontro foi relevante por discutir um tema importante como é a segurança pública. “Todos estamos com a mesma preocupação que é buscar alternativas para a redução da violência na cidade. Tratamos ainda da questão de explosões a bancos, frisando a lei sancionada pelo governador que trata da obrigação de colocar dispositivos que inutilizem as cédulas em caixas eletrônicos e vamos juntos fiscalizar isso para que os bancos cumpram a medida”, afirmou.

Também participaram da reunião o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Cláudio Lima, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, o secretário de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão, Waldson Souza, representantes da CDL, Sindipetro, Sindifarma, Sindicato dos Bancários de Campina Grande, Sindilojas, Fiep, Abrasel e outras entidades campinenses. Uma nova reunião com auxiliares do Governo e representantes de entidades foi marcada para o dia 27 de julho, em Campina Grande.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA