Acidente mata três jovens que comemoravam aprovação em faculdade

0
1060

Os jovens que se envolveram em um acidente com uma BMW M5 em Franca (SP) comemoravam a aprovação de um deles no vestibular. Segundo o comerciante João Edson Vieira, que é amigo das famílias, uma das vítimas ingressou na faculdade de medicina na última semana.

“Não sei se estavam em alguma festa, eles estavam comemorando. Um deles passou na faculdade de medicina, eles estavam fazendo um trote e estavam comemorando essa passagem”, disse Viera. “É uma fatalidade o que aconteceu”, completou.

O calouro seria Eduardo Águila Raymundo, que segue internado em estado grave no Hospital São Joaquim. Além dele, Gustavo Nascimento Ribeiro também permanece no Centro de Terapia Intensiva (CTI) da mesma unidade de saúde.

Os universitários Henrique Pini Maniglia, de 18 anos, e Eduardo Brandão, de 19, morreram no local. O estudante de engenharia civil João Moura Mattos Nogueira, de 19 anos, chegou a ser socorrido, mas morreu na Santa Casa de Franca.

O acidente

O veículo BMW M5 em que os jovens estavam capotou diversas vezes, após cair em um barranco no fim da Avenida Doutor Armando de Sales Oliveira na noite de sábado (16). A Polícia Militar suspeita que o carro estava em alta velocidade.

O tenente da PM Victor Manoel Matos contou que o automóvel saiu da avenida, passou sobre uma piscina de contenção de uma fazenda ao lado da via, bateu em um alambrado e capotou até parar a 30 metros de onde o acidente teve início.

Garrafas de cerveja foram encontradas próximas ao veículo, mas Matos afirmou que não há confirmação se o motorista estava alcoolizado. Segundo o Corpo de Bombeiros, era Maniglia quem estava ao volante. O corpo dele passou por exame no Instituto Médico Legal (IML).

“Todos esses dados eles vão liberar após a conclusão do laudo. Foi solicitado exame de alcoolemia, através de sangue, para o condutor e, apenas com esse resultado, é que será possível precisar se ele havia ingerido, ou não, bebida alcoólica”, disse o tenente.

Peritos do Instituto de Criminalística estiveram no local da capotagem. Matos afirmou que apenas a investigação da Polícia Civil poderá apontar a velocidade da BMW no momento do acidente. O limite permitido na avenida é 60 quilômetros por hora.

Após exames no IML, os corpos dos três jovens que morreram foram enterrados na tarde deste domingo nos cemitérios da Saudade e Jardim das Oliveiras, em Franca.

Veja também:

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY